10 erros comuns em estratégias de SEO

Montar uma campanha de SEO é muito importante para empresas. Isso porque, quando bem planejada, ela aumenta o fluxo de visitantes orgânicos no seu site, além de aproximar o consumidor da marca, por meio de informações de qualidade que interessam a este.

Escrevi um outro post no nosso blog sobre as mudanças no cenário de SEO e sobre a metodologia Adaptive SEO que a WSI adota.

Quando desenvolvidas de maneira equivocada, as campanhas de SEO podem acabar tornando-se gasto de tempo e de dinheiro. Para evitar esta frustração, criei esse novo post em que  citamos 10 erros que percebemos como muito comuns ao se desenvolver uma estratégia de SEO. Há outros erros táticos de SEO, do ponto de vista mais técnico, como a Moz orienta os profissionais de SEO. Mas esse nosso post é mais voltado para o gerenciamento do serviço de SEO e você, empresário ou executivo, voltado ao negócio, deve estar atento para evitar, para orientar seu time ou cobrar seus consultores de SEO.


 

1. Erro na seleção de palavras-chave para SEO

Otimizar palavras-chaves erradas é um erro comum, e o principal motivo que leva as campanhas de SEO ao insucesso. Uma boa estratégia de marketing digital não tem espaço para achismos, ou seja, não selecione suas palavras-chaves embasado naquilo que você acredita que seu público vai gostar. Faça uma extensa pesquisa para saber quais os termos mais procurados nos buscadores relacionado à sua pesquisa. Pense na sua persona: como ela procuraria por seus serviços ou produtos? Não se apegue a palavras cauda curta que tenham alto volume de busca, incorpore na sua seleção palavras-chave de cauda longa.

Há – uma série de boas ferramentas de análise de palavras-chaves disponíveis online, que podem lhe auxiliar na sua escolha. Nós da WSI utilizamos principalmente:

  • o planejador de palavras-chave do Google Adwords,
  • o SEMrush e
  • o keywordtool.io.

Observe quais são as palavras com maior volume de buscas, quais são mais utilizadas pelos seus concorrentes, ou seja, trace sua estratégia utilizando os dados disponibilizados por uma dessas plataformas.

2. Traçar metas impossíveis de serem alcançadas

O SEO é uma estratégia de marketing de conteúdo que traz resultados de médio a longo prazo, sendo assim, não trace metas de retorno impossíveis de serem alcançadas.

Outro erro nesse mesmo sentido é o de  querer dominar os principais buscadores como Google, Bing e Yahoo, para cada produto ou serviço lançado.

Além disso, é importante desenvolver orçamentos realistas. Muitos negócios não estipulam prazos de retorno de investimento ou mesmo não estabelecem um orçamento para suas campanhas de SEO. Agindo dessa maneira, haverá uma pressão maior por resultados imediatos, o que não virá com uma campanha de SEO.

3. A campanha não está trazendo o tráfego correto

Quando uma campanha de SEO está trazendo usuários, porém, eles não estão convertendo, é muito provável que as palavras-chave estejam sendo utilizadas de forma incorreta. Uma situação comum é a de que, se os usuários estão entrando na página, analisando o conteúdo e não estão agindo da forma esperada, isso quer dizer que as palavras-chaves não condizem com o conteúdo exibido. Para corrigir isso deve-se alterar a palavra-chave ou o conteúdo exposto.

4. Somente se preocupar com a quantidade de visitantes, não com a conversão

O uso do SEO não é apenas para aumentar a quantidade de visitantes no site, ele deve ser utilizado para converter usuários em consumidores. Logo, uma ferramenta que deve sim ser usada em SEO é o Google Analytics para análise das taxas de conversão.

5. Meu negócio é local, não precisa de SEO

Para negócios locais como venda de serviços que abrange uma determinada região geográfica ou para negócios que sejam  lojas físicas é sempre interessante o uso da busca local para favorecer os usuários que estão a curtas distâncias do estabelecimento ou da zona de entrega. Muito importante a otimização para Mobile para atrair pessoas para visitarem a loja fisicamente. O SEO para busca local favorece o posicionamento no mapa, exibido na página de resultados do Google (e outros buscadores).

 

6. Duplicar  Title Tags e Meta descrições

As title tags e as meta descrições devem ser únicas para cada página, não devem ser reutilizadas em todas pois sendo páginas diferentes, é improvável que apenas uma frase seja útil para todas as outras. Isso confunde os robôs que analisam o conteúdo das páginas e levam em conta o meta title.   Além disso, uma vez que são apresentados o meta título e a meta descrição na página de resultados de busca, tudo igual e genérico não vai ajuda  o consumidor a entender o que há naquela página, não é convidativo para receber o clique,

7. Erro no desenvolvimento de conteúdo de Interesse do Consumidor

Não adianta criar um conteúdo voltado para o propósito de SEO que seja de interesse apenas de funcionários ou diretores ou o presidente da empresa, nem muito menos escrever um texto publicitário, o que pode ser contraproducente. O objetivo do conteúdo exposto é informar o cliente de algum assunto que seja de interesse dele. Dê preferência a assuntos em que o consumidor vai querer se engajar a ponto de compartilhar o seu conteúdo em suas redes sociais.

8. Quanto mais links melhor

A técnica de buscar a maior quantidade possível de links é considerada uma técnica ultrapassada. Inclusive, agora não só não é considerado uma boa forma de melhorar o posicionamento nos buscadores, como é, na realidade, uma forma de piorar o ranqueamento. Os buscadores não têm interesse em expôr páginas que são anunciadas em inúmeros links por páginas não qualificadas. A qualidade do link passou a ser fundamental para o ranqueamento de páginas.

9. Mesma keyword para diversos links

Utilizar a mesma keyword em inúmeros links pode parecer aos buscadores uma certa forma de “apelação”. Esta é outra atitude que não é bem vista, pode-se variar no tema (afinal, o conteúdo do site e da empresa é o mesmo) mas deve-se variar o que está sendo exposto para, inclusive, atrair mais visitantes.

10. Não dar a devida importância para mensurar resultados

É sempre fundamental analisar os dados para fazer as mudanças necessárias para obter o melhor resultado das campanhas. Não basta medir apenas um dado, mas ter noção da visão geral da campanha para que assim possa-se adotar as melhorias que vão resultar em mudanças significativas.

A correção dos erros citados acima pode alterar significativamente os resultados de uma campanha de SEO. Deve-se sempre ter em mente que o tópico mais importante de todos é o último, visto que são através dos resultados que pode-se  perceber o que está sendo aplicado de forma correta e o que deve ser modificado na campanha.

Nossos parceiros corporativos

WSI has a Strategic Alliance with Hootsuite WSI hold a SEMPO Platinum Membership WSI is a Google Partner WSI is a Partner of Yahoo Bing WSI is a Agency Partner of HupSpot WSI is a Global Premier Partner of Constant ContactWSI is a certified Microsoft Partner